RESENHA: Sobre Risos, Drinks & Dates (Nanda Pimentel) +15 | por Carol Sant

Olar pessoas, tudo belezinha com vocês?
Hoje é dia de resenha e quero conversar com vocês sobre o livro "Sobre Risos, Drinks & Dates", da autora Nanda Pimentel. O livro foi lançado pela editora Autografia no ano passado, mas eu só tive o prazer de ler esse ano! Vamos começar? Então vamos! :)



O livro tem como tema as nossas crônicas amadas de todos os dias (eu particularmente amo ler crônicas), e também vale ressaltar que o livro é dividido em quatro partes, sendo elas: risos, drinks, dates e orgasmosAchei cada parte do livro bem bolada, pois a cada parte já sabemos o que vamos encontrar, por exemplo: em "risos" podemos esperar por algo mais leve e engraçado e já em "dates", podemos esperar por algo mais profundo e reflexivo!
Vale ressaltar que antes do livro ser lançado a autora já escrevia nas redes sociais, só que através de seu pseudônimo chamado Lucrécio. Já no livro também encontraremos crônicas assinados tanto por Lucrécio e mais dois pseudônimo, que são Barbarella de Bóa e Brigite F. e com isso a autora nós mostrará suas facetas através desses personagens mega cativantes.



Eu curti bastante ler o livro, claro que isso se dá por eu ser uma grande fã de crônicas, mas creio que a maioria das pessoas adoram ler crônicas. A autora consegue nos levar para vários lugares pelas situações que nos conta e faz com que nós identifiquemos com o que os personagens sentem e pensam, pelo simples fato de de já ter passado por alguma das muitos dos acontecimentos que rolam no decorrer de cada crônica.



Na real, o livro é bem leve e fácil de ser lido mas, claro que teve crônicas que mexeram mais comigo do que outras e fiz várias marcações durante a minha leitura. 
Mas uma coisa é certa, Nanda Pimentel sabe como mexer com nossas emoções, afinal, ela consegue te fazer rir, se emocionar e refletir em vários momentos durante a leitura. Gostei muito de sentir todas as emoções de uma forma leve e gostosa ao ler o livro!




Eu li o livro durante a maratona de inverno, organizada pelo Victor Almeida, do canal Geek Freak e além das crônicas serem super fáceis de se ler por serem curtas, a maratona me deu um empurrãozinho para que lesse o livro mais rápido ainda... Enfim pessoal, no geral é um livro que eu recomendo muito, mas principalmente, para os amantes e fãs de crônicas.
Beijos da Cah 

Classificação: 



Dica extra: CLIQUE AQUI ♥



Resenha: Rastros de sangue, Val McDermid | por Bea Oliveira.

          

Título: Rastros de Sangue

Autor: Val McDermind

Editora: Bertrand Brasil

Onde Comprar:Amazon | Saraiva | Submarino

 Se eu pudesse escolher uma palavra para Rastros de Sangue seria intenso. Se eu tivesse que escolher outra, inquietante. 
 Tony, após seu último e bizarro caso, decide criar sua Força tarefa nacional de criadores de perfis criminais psicológicos, com um objetivo claro multiplicar detetives capazes de fazer um trabalho ao menos similar ao seu, e naturalmente ajudar em casos nos quais a criação de um perfil serja essencial para um desdobramento efetivo. Carol, parceria no último caso, poderia muito bem fazer parte dessa turma, mas escolheu seguir outro caminho e aproveitar uma promoção. Agora ela tem uma equipe que confia muito pouco, ou melhor quase nada na sua eficiência e um caso de incêndios que, ela tem certeza de que são criminosos.
A trama se constrói nessas duas linhas de investigação, a principal sendo a formação da equipe especializada em perfis psicológicos, que levará à descoberta do caso das meninas desaparecidas que, por sua vez, levará à caçada de Jacko Vance, e a secundária, encabeçada por Carol, e devo dizer que essa segunda trama me pareceu desnecessária, apenas para justificar o porque de Carol e Tony não estarem trabalhando juntos no começo.
 Sabemos desde o primeiro capítulo que Vance é o assassino das meninas (na verdade, estamos na frente da polícia que, até então, nem sabe que tal assassino existe). Dessa forma, a expectativa do leitor não é descobrir respostas e sim ver se a polícia vai conseguir encontrar as respostas que ele mesmo já tem, e se conseguirá pegar o criminoso. Ao mesmo tempo em que acompanhamos a polícia, acompanhamos também Vance e, aos poucos, temos vislumbres de seu passado e de sua mente doentia.

“ - Que estejamos há muito tempo no céu antes que o diabo perceba que a gente já foi embora.” 

“Rastros de Sangue” é um livro correto, não cria expectativas exageradas, nem reviravoltas de tirar o folego. Não decepciona, mas também não entrega mais do que promete. O final é previsível,e tenho que confessar que senti falta daquele suspense maior. Há uma grande caçada sim, mas sem grandes dúvidas. 
Um ponto muito positivo é a forma como a autora nos levou para passear dentro da insana mente de um serial killer. Ali, pude entender como ele pensa, como age e como sua motivação o leva a cometer tantas atrocidades sem o menor remorso. 
A edição em si contém diversos erros de edição e isso me atrapalhou muito durante a leitura. Cheguei a abandonar o livro algumas vezes de tão grotescos que eram os erros.  Porém, esquecendo isso, Rastros de sangue é, sem dúvida, uma leitura recomendada para todos os leitores.
O livro, lançado em 1997, originou uma série de TV britânica ("Wire in the Blood") que teve 6 temporadas exibidas entre 2002 e 2008.

- Bea Oliveira.

Classificação: 

RESENHA: O Ceifador (Neal Shusterman) | por Carol Sant

Olá pessoinhas, tudo belezinha com vocês?
Quero conversar um pouquinho com vocês hoje a respeito de um livro que se passa em uma realidade utópica, que foi até agora - sem dúvida alguma - o melhor do ano para euzinha aqui. Estou falando sobre o livro "O Ceifador", do autor Neal Shusterman e que foi publicado pela Editora Seguinte aqui no Brasil.

                                                                                                           Foto por: Enfim, resolvido!

Aqui nós somos levados a uma realidade utópica, ou seja, o futuro de um jeito completamente diferente do que conhecemos hoje em dia. Nesta realidade é perfeito, pois as pessoas não adoecem e portanto não morrem, vai ai um exemplo: quando uma pessoa é atropelada elas são levadas a um centro de revivificação e voltam a vida, como se nada tivesse acontecido. Outra coisa é sobre o envelhecimento da aparência não existe mais, já que existem lugares para todos se rejuvenescerem. É notável que a humanidade evoluiu a tal ponto que não existe nem mesmo a corrupção política, já que agora existe a "Nimbo-Cúmulo", que não é nada mais do que uma inteligência artificial que evoluiu da nuvem de dados.

                                                                                                                                                                                 Foto por: Paradise Books

Apesar de toda a evolução, a Terra ainda não consegue comportar tantas pessoas (até porque ninguém morre o que é ótimo porém, bizarro) e é então que vamos conhecer o trabalho dos ceifadores, eles são responsáveis por "coletar algumas vidas" para manter um equilíbrio na sociedade. Ninguém pode intervir nas ações dos ceifadores, ou seja, quem morre pela mão de um ceifador não pode ser revivificado!
Nessa história nossos protagonistas principais são: Rowan e Citra, ambos acabam cruzando o caminho do ceifador Faraday e logo são imediatamente convocados para serem aprendizes de ceifadores, o grande problema é que nenhum dos dois querem realmente se tornarem ceifadores e é exatamente por isso que são escolhidos.
Por outro lado, alguns ceifadores acabam sentindo cada vez mais prazer em cumprir sua tarefa de matar e estão cada vez mais sedentes por sangue. Mas ainda temos um porém aqui: apenas um dos dois jovens se tornará de fato um ceifador e quem perder a disputa pelo título será coletado pelo ganhador.

                                                                                                                                                                     Foto por: Prazer, me chamo livro!

Eu amei cada parte dessa história e tenho que admitir que sofria sempre junto com os personagens. A narrativa do autor é super fluída e muito rápida de ser lida, o que não faz o livro ficar massante já que são 440 páginas de reviravoltas! Ler esse livro foi realmente um milkshake de sentimentos, afinal, não sabia se gostava ou não de alguns ceifadores que aparecem ao longo da história, pelo fato de que eu acabava sempre entendendo o que eles faziam e porque faziam o que faziam.
O autor conseguiu me prender do começo ao fim e a cada capítulo eu conseguia ficar cada vez mais surpresa em como as situações iam se desenrolando. Sem ser exagerada, a história dessa obra é inacreditável...o mundo que o autor criou me deixou de boca aberta (literalmente), não sabia se ficava encantada ou com raiva de algumas coisas. Aqui nós temos sim um romance que vai acontecendo no desenrolar da história, mas de modo algum o romance parece ser o foco do autor, o que me deixou mais animada para ler a continuação!
Enfim, foi um livro cinco xícaras e favoritado sem nem precisar pensar duas vezes. Mega recomendado para todo mundo, porque o mundo inteiro precisa ler esse livro.
Beijos da Cah 

Classificação: 
F+




Super Sorteio | por Bea Oliveira.


Eu, e alguns parceiros, decidimos trazer uma surpresa para vocês, um super sorteio 

Mas antes de contar para vocês qual será os prêmios vamos a algumas regras obrigatórias:

Ser inscrito no canal da Bea, se não é, basta clicar AQUI ♡

•Seguir o Garota Bibliotecária (é só descer com o mouse e na barra lateral clicar em "seguir" no quadradinho de "SEGUIDORES").

Seguir o instagram do Bibliotecar, se não segue, clique AQUI 

Seguir o blog dos parceiros que estão cedendo livros para o sorteio: DUAS LIVREIRAS ♡, BIBLIOTECAR ♡, SURPRESA NAS PÁGINAS ♡, PACOTE LITERÁRIO , SANGUE DE BALEIA ♡, e LIVRO GRAM , BELA QUIMERA ♡, MISS PSY .

Curtir a página dos autores parceiros que estão cedendo livros para o sorteio: SUE HECKER ♡, BELA DIAS ♡, FELIPE SARAIÇA ♡, JOIRAN ALMEIDA ♡, DIEGO MEDEIROS ♡, J.S. ALBINO , LILLY BELMOUNT ♡, EMILLY AMITE , LILIAN FARIAS  e FOCHETTO JR 

• E preencher o formulário que está no final deste post.

O sorteio terá 3 vencedores, então vamos ao que será sorteado:

Primeiro kit, contém:
- Pela Lente do amor + 8 marcadores 
Marcadores Por trás da seriedade + brindes
- No. 1643 + marcadores.
- Mulheres que não sabem chorar + marcadores
- A condessa de Assis.



Segundo kit, contém:
- Impecáveis
- O lado bom de ser traída.
- 3 bottons sangue de baleia + caneta.
- Caçada + marcadores
- Palavras de rua.
- 2 marcadores Duas livreiras + marcadores sortidos



Terceiro kit, contém:
- Luz da luz.
- Os últimos dias.
- 5 marcadores de Supresas nas páginas + 5 marcadores da editora Arwen.
- Oníria
- Do outro lado do espelho + marcadores + ecobag




OBSERVAÇÕES: 

• O sorteio começa hoje e acaba no dia 11/08 às 00:00hrs.
• O resultado sai no dia 12/08.
• Os IG's não se responsabilizam por extravios.

Para participar preencha o formulário, a cada vez que preencher ganha mais um número para o sorteio.



QUE A SORTE ESTEJA A SEU FAVOR ❤️💭
- Bea Oliveira.

RESENHA: Minhas Conversas Com o Diabo | por Vitor Gunner

E aí galera, tudo beleza com vocês?
Aqui quem escreve é o Vitor (mais conhecido como namorado da Cah rs) e hoje eu trago para vocês a resenha do livro "Minhas Conversas Com o Diabo", do autor Mário Bentes e publicado pela Editora Lendari. 


Minhas Conversas com o Diabo é um livro de contos, que possui sete contos sobre pessoas que estão enfrentando diferentes problemas  e acabam fazendo o famoso "pacto com o Diabo". O livro é escrito pelo autor Mario Bentes e publicado pela editora Lendari. O acabamento gráfico está dentro dos padrões, porém, destaque para a capa que cumpre a função de chamar bastante atenção em uma prateleira na livraria.
Minhas conversas com o Diabo é um livro que me surpreendeu bastante. Nunca tinha lido nada do autor Mario Bentes, mas gostei muito da sua escrita e narrativa. Você sente que é algo nacional quando está lendo, pois, os sete contos se passam em regiões e épocas diferentes do Brasil. Sua escrita nos deixa confortável com a leitura, mesmo sendo contos que falam sobre pactos com demônios. Aliás, assustador é apenas o título do livro.


Os contos não te dão medo algum e nem é a intenção do Mário, creio eu também. São histórias do cotidiano, tão simples e ao mesmo tempo empolgante. Você não consegue parar de ler, pois quer saber o que vai acontecer. Todos os contos possui um mistério, algo que te mantém preso naquele mundo e não é um mistério comum como histórias de investigações. É algo diferente, mas é muito bom por sinal. Mario Bentes detalha muito bem as situações e lugares onde se passam os contos e mesmo sendo contos curtos, você consegue absorver bastante coisas daquele ambiente criado. 
Os contos tentam mostrar que nós mesmos somos os nossos  próprios demônios, a natureza humana anseia por poder e prazeres carnais. Os "demônios" só nos dizem o que no fundo sempre queremos ouvir e nos dão a chance de culpar alguém pelos os nossos erros.


Os sete contos são realmente muito bons e não há nenhum que eu tenha achado ruim. Todos possuem uma primícia muito boa, como por exemplo, no caso do conto "À Espera da Próxima Carta", onde a protagonista acaba trocando cartas com o desconhecido. "Topo Um Acordo, Menino?" e "A Mulher Que Me Amou", são emocionantes de uma forma que realmente toca seu coração com a sensibilidade. Talvez, a ressalva que devo fazer seja ao primeiro conto, "Eu Corrompi Homens Santos", pois, esse conto tem um potencial tão grande para desenvolver um livro de umas 500 páginas (ou mais), que até fiquei chateado do conto ser rápido e ter acabado como acabou. 
Mas se você quer um bom livro para passar o tempo, eu recomendo muito você ler "Minhas Conversas com o Diabo". Me ajudou muito a matar o tédio de dois dias no trabalho, enquanto eu lia e atendia aquelas ligações chatas (HAHA).
Espero que tenham curtido e fui!