quarta-feira, 21 de setembro de 2016

RESENHA: Sem Amor, Só a Lou(cura) - Pablo Madeira | por Carol Sant

|
Boa tarde, leitores!
Tudo belezinha com vocês? Espero que sim!
Hoje venho resenhar um livro de crônicas super amorzinho e muito reflexivo, estão curiosos para saber minha opinião sobre a obra? Então vem conferir, logo abaixo!


Já começo dizendo que é um livro incrível, com uma narrativa muito muito fluída e que eu amei, óbvio. É um livro com 19 crônicas sobre o nosso cotidiano, muitas vezes sobre coisas que estão sempre acontecendo ao nosso redor, mas, que fingimos não enxergar nada de errado em nossa sociedade. Aqui, o autor não tem medo ou receio de colocar tudo que pensa no papel, o que só me faz amar ainda a obra.
"Sem Amor, Só a Lou(cura)" é o segundo livro do autor que foi lançado. Pablo também é autor do livro "Clér" (que eu estou necessitando ler, alias). A escrita do autor é muito fácil de ser lida e interpretada, confesso que sou uma grande fã de crônicas/contos, então sou bem suspeita para falar, né?!


É realmente um livro que me fez refletir muito sobre a vida (mais do que já penso, HAHA), admiro muito o Pablo por não ter medo de falar sobre alguns assuntos e através das crônicas do autor pude perceber uma certa melancolia em cada uma delas. O autor aborda temas como perda, drogas e depressão de uma forma muito sensível, o que me cativou e me tocou demais!


De longe as minhas crônicas preferidas foram: "Cidade Triste" e "A Resposta", acho que os temas que o autor aborda nessas duas crônicas são assuntos de extrema urgência em nosso país e também no mundo todo. 
O livro também tem muitas ilustrações, o que foi um ponto muito positivo em relação ao livro, já que eu amo livros que tem ilustração - pois é, me julguem.



Fiz muitos quotes durante a minha leitura, os quais eu gostaria de compartilhar aqui com todos vocês e deixar um gostinho do que vocês que ainda não leram o livro estão perdendo!
  • "Coisas ruins acontecem com pessoas boas o tempo todo e não consigo achar nenhuma razão para isso." - Crônica "Ponto Final".
  • "Estou cansado dessa gente fútil que se vende por nada e ergue a cabeça pensando que são os melhores e que só fazem o certo." - Crônica "Fuga".
  • "O meu problema sempre foi esse, eu sinto demais as coisas. Nunca consigo escapar." - Crônica "Depois das Seis".
  • "Talvez o amor não seja algo que encontramos em cada esquina por qual passamos, é o amor que nos encontra." - Crônica "Capitais".


E aí, dicaram com aquele gostinho de quero mais? Acho que sim, né?! É inegável o talento que o Pablo tem para escrever, eu espero ler muitas coisas dele ainda. A obra levou uma classificação de 5 estrelas no Skoob, apenas não favoritei por achar que em algumas crônicas, o autor poderia ter se aprofundado um pouco mais, porém, o livro é realmente incrível e eu mega recomendo!
Beijos da Cah 

2 comentários:

  1. Livro sem revisão ortográfica, crônicas de péssima qualidade, sinceramente não sei como uma editora publica um livro assim, realmente o livro deixa a desejar, joguei dinheiro fora!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas oque Anony? Como assim? :O
      O livro foi muito bem revisado, as crônicas são super reflexivas e acho que se tu não conseguiu captar isso, me perdoa migo, mas acho que talvez você seja um tanto quanto insensível demais :/
      Já que acha que o seu dinheiro foi jogado fora, que tal doar o livro para uma biblioteca pública? Estaria fazendo um favor tanto para você, quanto para outras pessoas!
      Beijão e muito amor <3

      Excluir